Encontro com Deus

A maioria das religiões modernas sugerem que, um dia, ao morrermos, teremos um encontro com Deus e neste dia faremos uma ajuste de contas. 
Para alguns, após esse ajuste se dará uma sentença definitiva: céu para uns e outro lado para outros.
Acreditam alguns, entretanto, que teremos uma nova oportunidade. Isso me faz pensar que, no tal encontro, segundo essa vertente, teríamos a chance de apresentar nossas demandas e fazer um "pagamento parcelado" de nossas dívidas, por assim dizer. Espero que os juros celestes sejam menores que os daqui!
Mas, supondo que esse encontro comigo se dê hoje, eu espero que Ele venha pessoalmente. 

Nada de prepostos, ou pessoas do segundo escalão. Somente eu e Ele. Tenho muito a questionar, e vou logo perguntando se as respostas são pre-fabricadas, livres ou atreladas a alguma condição.
Nada de falar com o "gerente". Eu quero é o "dono do negócio".
Quero perguntar o que Ele teve contra mim durante todos esses anos, sobretudo os últimos 15.
Reconheço que fiz muitas coisas que me levaram ao arrependimento. Mas nunca, de forma deliberada, fiz algo contra alguém. 

Acreditei em Deus com todas as forças, mas hoje em dia, não raro, eu me vejo como tolo quando me pego falando com Ele. 
Agora mesmo estou hospitalizado devido a um problema cardíaco que desenvolvi nos últimos anos, como resultado de muita tristeza e abandono nos relacionamentos.

Postagens mais visitadas deste blog

Professora gostosa foi expulsa da escola por deixar alunos excitados.

Os Botões de Napoleão: as 17 moléculas que mudaram a história