G1 - Líquido de árvore 'milagrosa' do DF pode até matar, diz botânico - notícias em Distrito Federal


Líquido de árvore 'milagrosa' do DF 



pode até matar, diz botânico


Religiosos acreditam que gotas são capazes de realizar milagres.
Para professor, líquido é saliva de inseto que contém bactérias e fungos.

Isabella Formiga
Do G1 DF
29 comentários
Fiéis tentam ser atingidos por gotas que pingam de árvore 'milagrosa' em condomínio no Sol Nascente, em Ceilândia (Foto: Isabella Formiga/G1)Fiéis tentam ser atingidos por gotas que pingam de árvore 'milagrosa' em condomínio no Sol Nascente, em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: Isabella Formiga/G1)
As gotas de água que pingam de um galho que aparenta estar congelado em um condomínio no Sol Nascente, na região de Ceilândia, no Distrito Federal, podem causar doenças e até levar à morte, disse nesta quinta-feira (9) o professor especialista em botânica da UnB José Elias. Para fiéis e moradores da região, o fenômeno se trata de um milagre.
Esse líquido nada mais é do que saliva de inseto. Se trata de uma espécie de inseto silvestre que carrega consigo nas patas e nas asas bactérias e fungos. Ele se instala ali e forma um casulo. Já tive a oportunidade de abrir um e encontrei dentro três insetos pequenos, de cor preta. Eles ficam ali até terminar o ciclo de vida deles"
José Elias, professor da UnB especialista em botânica
“Esse líquido nada mais é do que saliva de inseto”, disse o professor. “Se trata de uma espécie de inseto silvestre que carrega consigo nas patas e nas asas bactérias e fungos. Ele se instala ali e forma um casulo. Já tive a oportunidade de abrir um e encontrei dentro três insetos pequenos, de cor preta. Eles ficam ali até terminar o ciclo de vida deles.”
O professor explicou que, por carregar bactérias e fungos silvestres, do qual a ciência não tem muito conhecimento, uma eventual doença seria difícil de tratar. “O paciente pode morrer”, disse.
Durante missa na última sexta-feira (3) o padre responsável pela celebração afirmou ter visto os pés de Nossa Senhora Aparecida tocando a árvore, que em seguida teria começado a pingar. De acordo com fiéis, as gotas de água são capazes de realizar milagres. O fenômeno atraiu em um dia mais de 500 pessoas para a comunidade católica no condomínio.
Nesta quinta, dezenas de pessoas foram ao local para ver de perto o milagre e, em muitos casos, coletar o líquido com vasilhas. Muitos que eram atingidos por gotas esfregavam o que conseguiam no rosto e nos braços.
Maria dos Remédios, moradora da região, não tem dúvidas do milagre. "É um sinal de Deus de que Jesus está voltando", disse ela, que trazia consigo duas crianças.
Maria dos Remédios foi nesta quinta (9) conhecer a árvore que, segundo ela, é um sinal de Deus (Foto: Isabella Formiga/G1)
Maria dos Remédios foi nesta quinta (9) conhecer
a árvore que, segundo ela, é um sinal de Deus
(Foto: Isabella Formiga/G1)
Vizinha da comunidade há mais de sete anos, Divina Chaves disse que sonhou que a água da gruta, localizada abaixo da árvore, tinha o poder de curar dores no corpo. "Após mergulhar na água, senti alívio. A água da gruta é a mesma que está na árvore, mostrando o espírito de cura. Como seria possível alguém colocar o gelo ali? Com esse sol, já teria derretido. É claro que é um milagre”, disse ela, que contou já ter presenciado a cura de um amigo alcoólatra após beber a água.
No início da tarde, a entrada de veículos de comunicação foi suspensa pelos líderes da comunidade. De acordo com o diácomo Raianderson Galeno, os paroquianos ficaram ofendidos com a informação divulgada pela imprensa de que a espuma na árvore é saliva de inseto.
Ainda segundo o religioso, o milagre deve terminar nesta quinta-feira, após sete dias de duração.

Postagens mais visitadas deste blog

Professora gostosa foi expulsa da escola por deixar alunos excitados.