Carro se choca a 193 km/h contra uma parede rígida



Encontrei essa "pérola" na internet. Esse vídeo está em inglês, mas traz uma ideia do que acontece com um veículo quando se choca em alta velocidade contra uma parede rígida.
O veículo é um Ford Focus, "pilotado" por dois bonecos, de dimensões e peso próprios de um adulto. A idéia é simular o choque de um veículo nessas condições, sendo pilotado por 2 adultos, o que pode demonstrar como se comportam esses corpos quando dentro do veículo em movimento.
Esse vídeo tem vários méritos. Tem sido mostrado na mídia vários acidentes onde motoristas embriagados se chocam contra outros veículos ou pessoas. Quase sempre os veículos que se chocam estão em alta velocidade.
As pessoas esquecem que no nosso mundo, dito "mundo real", tudo e todos obedecemos Leis Naturais, inclusive as da Física. E um carro e movimento não é exceção a essa regra. Aliás, nenhum outro corpo em movimento obedece com tanta precisão a essas regras. Leis de Newton, Quantidade de Movimento, aceleração, vetores... são impressionantes as formas de expressão dos movimentos dos veículos. Talvez por isso, hajam tantos brasileiros morrendo no transito diariamente: falta-lhes conhecimento.
Como age e reage um corpo humano cujo cérebro está sob efeito do álcool ou de qualquer outra droga? É possível que uma ser humano, tenha a possibilidade de reação e de ação em tempo hábil, se esta pessoa estiver atendendo um celular ao ouvido enquanto dirige? Mesmo sóbrio, e em perfeitas condições físicas e emocionais perfeitas, um homem dirigindo um carro em alta velocidade, este reage de forma que não é possível controle absoluto. Ilude-se aquele que julga ter esse domínio e controle total do veículo ao ponto de que não ocorra algo grave sob tais condições.
É mais fácil morrer no trânsito do Brasil que no campo de batalha. Se pensarmos nas mortes durante a gerra dos americanos contra o terror, houveram mais mortes no Brasil, no transito, que no campo de guerra.
Pura falta de conhecimento de física, química e biologia. Claro que há falta de outros valores como respeito, consideração pelo outro e suas necessidades, paciência, cidadania... pouco ou nada adianta ter os conhecimentos nas áreas de exatas, mas não ter esses valores que aprendemos primeiramente em casa.
Aliás, muito me deixa preocupado ver quantos evangélicos e católicos confessos, que se sentem salvos, e superiores em suas concepções religiosas, "donos" de um Deus que pode tudo por eles, mas que não lhes ensina educação e respeito.
Aliás, num país onde a educação falta, primeiro em casa, depois na escola, e nas outras instituições também não se aprende esses valores; só apelando para Deus e sua misericórdia mesmo.
Para saber mais, e atualizar as estatísticas:
http://ultimainstancia.uol.com.br/conteudo/colunas/3042/colunas+ultimainstancia.shtml
http://portal.cnm.org.br/sites/9000/9070/Estudos/Transito/EstudoTransito-versaoconcurso.pdf





Postagens mais visitadas deste blog

Professora gostosa foi expulsa da escola por deixar alunos excitados.